Radio Fé Web - Ao vivo

em manutenção

TV FÉ WEB

Loading...

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Tome tempo para ouvir


                                                            Renata Lino e Rayra Lino
                                                   Acesse: www.radiofeweb.com.br
Outras sementes caíram num lugar onde havia muitas pedras, e, quando começaram a brotar, as plantas secaram porque não havia umidade

Se você não dar tempo para Deus , você não vai ouvir de Deus . Você tem que diminuir o ritmo e ficar quieto para que você possa ouvi-lo . Quando você está com pressa você não pode ouvir Deus.

Quando vivemos vidas apressadas , Deus se arrastou para dentro da reposição minutos e ele está pouco mudou com o nosso tempo . Nós dizemos : "Senhor, fala comigo , mas fazê-lo rapidamente . " Skimping em nosso tempo com Deus leva a uma vida que se torna cada vez mais raso . Nós não ir fundo , porque não dar tempo para ele . Nós não estamos gastando bastante tempo a sós com Deus , se em tudo. Ele precisa de um tempo de qualidade para nos mudar.

Este estilo de vida superficial, onde estamos sempre com pressa , representa a rasa ou solo rochoso da parábola de Jesus . Jesus diz que este solo raso representa uma mente superficial. Uma pessoa com esse tipo de mente ouve a Palavra de Deus , e talvez fica comovido , mas ela / ele nunca faz nada sobre isso .

Como você passar por isso ? Como você muda de ser uma pessoa rasa para uma pessoa profunda que mantém a fé , mesmo quando uma recessão ou uma doença ou uma perda de emprego ou casamento problema atinge ?

Você precisa de duas coisas :

Um momento de silêncio diariamente - Você precisa de tempo a sós com Deus para ler a Bíblia , orar e manter um diário das coisas que você está aprendendo.

Um pequeno grupo semanal - Você precisa de tempo com outros crentes que estão perto de você e pode lhe dar uma nova perspectiva. Podem dar-lhe o incentivo e prestação de contas que você precisa para ir mais fundo no seu relacionamento com Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário